segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Fim da censura

[Postado por Ernesto Dias Jr.]

Pessoal:
Visto que Ziza já está ao corrente da situação precária do filho, o silêncio de rádio sobre a minha internação fica levantado.
Para os que não sabem, eu infartei na terça-feira passada.
Felizmente os danos foram mínimos e a funilaria, simples.
As causas ainda estão sendo investigadas. Os especialistas estão em dúvida entre a popularidade crescente de Lula e o SAC da Telefoníca.
Próxima quarta ou quinta faço uma angioplastia e recupero meu lendário vigor atlético. Devo sair do hospital durante o fim de semana. Não sei ainda a hora exata, mas a Globo por certo há de anunciar.
A todos um grande beijo.

Em tempo: O Assertiva também infartou em solidariedade. Deve, assim com eu, voltar ao ar no fim de semana.

11 comentários:

Anne M. Moor disse...

Bom ainda bem que o senso de humor não infartou junto!!!! :-)

Te cuida meu amigo...

Take care. I care.

Beijão

A. Marcos disse...

Boa recuperação.

Ti disse...

o senso de humor... Esse voltará revigorado após a limpeza de algumas particulas de gordura que dificultavam a circulação da alegria....

Beijos e ótima recuperação!!

Udi disse...

Adorei falar com você há pouco! Nem fazia idéia que você já estava até postando.
E, como te falei ao telefone, folgo em saber que seu coração é forte (foi o que disseram os especialistas não é?) e cheio de amor prá dar.
beijos

Suzana disse...

Humor e amor, estes motores não falham!
bjs

Flavio Ferrari disse...

Ti e eu visitamos o Ernesto no hospital.
Tinhamos até um plano "B" para o caso dele estar mal e ter perdido a vontade de viver.
Felizmente não foi necessário.
O Erenesto estava muito bem. Ou pelo menos foi o que respondeu a cada uma das oito enfermeiras que entraram no quarto durante os 30 minutos em que alí ficamos para perguntar:
- Você está se sentindo melhor, Nestinho ?

Flavio Ferrari disse...

Essa Ti está numa fase inspirada de comentários ...

Flavio Ferrari disse...

Ah, Ernesto ... por falar em comentários, quero esclarecer que as brincadeiras que fiz sobre seu estado de saúde de forma alguma significam falta de consideração, de afeto ou preocupação com você.
É só sacanagem mesmo ...

A.Tapadinhas disse...

Ernesto: Estou agora a ler o que se passou com o meu querido amigo! Como especialista no assunto (enfarte, cataterismos, angioplastia, operação, quatro bypass) vais notar a intensidade redobrada com que se vive as pequenas (grandes!) coisas de cada dia!
Carpe Diem!
Aquele abraço.
António

PS: A seguir vou ver Assertiva, se já tiver visitas! :)

Érica Martinez disse...

Pode falar que foi só uma desculpa pra emendar o carnaval, vai, Nestinho!

(agora vc só vai comer bolinhos macrobióticos no Genial...)

Glaura disse...

Ernesto,
bem quando iniciei seu processo de adoção, no último Genial, seu coração tinha que encrencar e deixar você de molho?!
Espero seu pronto restabelecimento para dar andamento ao mesmo!
Um grande beijo