quarta-feira, 4 de julho de 2007

Samba Da Benção

[Postado por Udi]

A Estrelinha lembrou-me que o "pensamento" do post anterior está inserido no meio deste samba maravilhoso do Vinícius de Moraes e Baden Powell.
Desfrutem e, se puderem, cantem... quem canta, seus males espanta.

É melhor ser alegre que ser triste

Alegria é a melhor coisa que existe

É assim como a luz no coração

Mas prá fazer um samba com beleza

É preciso um bocado de tristeza

Senão não se faz um samba não

Fazer samba não é contar piada

Quem faz samba assim não é de nada

Um bom samba é uma forma de oração

Porque o samba é a tristeza que balança

E a tristeza tem sempre uma esperança

De um dia não ser mais triste não

Põe um pouco de amor numa cadência

E vai ver que ninguém no mundo vence

A beleza que tem um samba não

Porque o samba nasceu lá na Bahia

E se hoje ele é branco na poesia

Ele é negro demais no coração

14 comentários:

Walmir Lima disse...

Que bom vê-la blogando, Udi.
Sempre soube que você levava o maior jeito, com sua espirituosidade e criatividade. Afinal, a personagem 'Lerdinha' marcou época na blogosfera.

Walmir Lima disse...

De lerdinha você não tem nada!

Flavio Ferrari disse...

Música é a melhor forma de oração ...

Flavio Ferrari disse...

Depois do silêncio...

Marcia disse...

Música....
Faz a gente viajar...lembrar de momentos...sentimentos...pessoas...
Faz até o papel de amigo...quando se precisa de um ele não está por perto...mas pode-se ouvir sua voz...

Anne M. Moor disse...

Udi dear! Que lindo... Tristeza e alegria. Um pêndulo.

Anne M. Moor disse...

Os meninos estão de novo a brincar com quantidade :-) Então... Lerdinha, tu?????????? Nunca... Como diz o Walmir, é muito bom te ver blogando por aqui.
Bjão

É! disse...

"Porque o samba é a tristeza que balança
E a tristeza tem sempre uma esperança
De um dia não ser mais triste não"


Amo essa música, amo Vinícius e não tinha parado, até hoje, para ver a beleza dessa "estrofe"...
Bela lembrança!

Udi Tarora disse...

Gentes queridas! Estou gostando demais dessa acolhida. Beijo em cada um.

Walmir, em postagens mais "antigas" do Prozac, vai ver que a lerdinha ainda tá por aí. A Anne taí prá confirmar.

Flavio, sempre acreditei nisso. Quando eu nem tinha fé eu já tinha as canções (estou em silêncio sim... nem vou te perguntar como você sabia)

Anne M. Moor disse...

Aquilo não foi lerdice não... Tudo é fácil quando a gente sabe como... :-) E o teu silêncio está... vamos dizer 'barulhento'...
Abraço bem apertado...

disse...

UDI:
VIVA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Seu primeiro post.
Veio vestido de gala.
Vinicius de Moraes e Baden Powell.
Essa é a ÚNICA música que eu sei tocar no violão(porque decorei) e só tem duas posiçoes(rss). Talento prá musica é isso aí.
Bjao.

Udi Tarora disse...

Lu, qual "Lu" é você? Se for você mesma, além de anônima é amnésica? Não tá lembrada do post lugar-comum?
Quanto às 2 posições, sendo só pro violão tá bom demais, né?

Anne, agora entende meu silêncio? abraço e beijo

Walmir Lima disse...

Essa Udi.....! Adoro seus comentários - sempre hilários e precisos. (...eu não disse? De 'lerdinha' não tem nada!)

Ernesto Dias Jr. disse...

Posição... posição.... que que é isso mesmo?