quinta-feira, 4 de outubro de 2007

IMPORTANTE PARADOXO IRRELEVANTE DE UMA FRIA MANHÃ DE PRIMAVERA

[Postado por Reinaldo Ortega]

Na vida tudo é relativo, exceto o que é relativo, que nesse contexto, é absoluto. Bom dia a todos.

28 comentários:

Estrelinha disse...

Reinaldo...porque voce faz isso com a gente???Faz favor de explicar isso...não entendo...me deu um nó na cabeça...

Estrelinha disse...

Ops...esqueci do beijo!

Estrelinha disse...

A vida é feita de escolhas...por isso tudo é relativo????

É! disse...

absoluto mesmo é a soneira que sinto neste momento... sobre o resto, sou incapaz de pensar...

É! disse...

absolutA

Anônimo disse...

Por mais paradoxal que se apresente, a natureza sábia ainda busca respostas: as zebras são animais brancos de litras negras ou negras de listras brancas?
Queimando neurônios

jorge

disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
disse...

Exatamente. A relatividade das coisas é absoluta.
Todas as possibilidades existem....
A cor de fundo da zebra SEMPRE será relativa.
Isso é absoluto....
Ortega, tenho um fraco por PESSOAS inteligentes.Vc está me saindo um belo exemplar.
E que imagem perfeita(nada paradoxal pro texto.
Seu olhar sobre as imagens tem mesmo uma soberania.

disse...

Isso pra não dizer do paradoxo do IMPORTANTE e IRRELEVANTE PARADOXO.É..., parece que tem uma certa familiaridade com as palavras tb....

disse...

Eu disse PESSOAS viu galera: homens , mulheres e indecisos.
Melhor explicar...

Anne M. Moor disse...

E ZEBRAS não Lú???? Aquela zebra da esquerda está piscando pra mim... Acho que incorporou a Malú...

Ernesto Dias Jr. disse...

Puta dúvida besta. É só mapear o DNA da zebra e descobrir qual código vem primeiro: o do pelo preto ou o do pelo branco.
Ah! mas dirá algum mais espertinho, me querendo deixar mal: depende da ponta em que você começar a ler! O que relativiza a conclusão outra vez, né?
Né não. Basta procurar pelo código que gera o pinto (ou seu equivalente) da zebra. O pinto surgiu antes do pelo. Alguém já viu um zebro sem pinto?
Moral da estória: é pelo pinto que se sabe o pelo.
Ou não.

É! disse...

MEU DEUS!
Vcs estão muito cabeçudos hoje!
Ou eu que ainda estou tentando encontrar os neurônios que perdi ontem...
Acho que eles foram encontrar o Ludovico e a Malú e me deixaram aqui só com o Tico e o Teco mesmo, que andam bastante encrencados com a saída da assistente.

No mais tudo é relativo, pois só o não está garantido.

disse...

Tá bom Sr Ciência, então fica assim:
" A relatividade da cor de fundo da zebra num primeiro momento SEMPRE será relativa, portanto é absoluta".
Sacô?
O que vc quer queu diga???? Faz favor né...., para de enfiar o pinto em tudo...

Udi disse...

Essa aí em cima é a Lu ou a Malu?!

("pára de enfiar o pinto em tudo" huáhuáhuá...!)

Anne M. Moor disse...

One track mind has this man lately!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Angela disse...

Depende do observador...

Walmir Lima disse...

..nintendi nada...cês tão falando do paralelismo das listras, ou do paradoxo criado pela discussão gerada entre meus neurônios?
Putz!...Deu zebra...

Walmir Lima disse...

Esse Ortega está me saindo um belo Bloguenígena juramentado.

Flavio Ferrari disse...

Esse papo de cor não não é comigo ...
Mas a foto me lembrou dos tempos do telefone de baquelite ... linhas cruzadas ...

Reinaldo Ortega disse...

Amigo Ernesto: Não se trata de uma duvida besta e sim uma duvida zebra. Quanto a cor que veio primeiro, rs, se a ciência não pode explicar, nada como procurar a explicação no inexplicável. Explicação tirado de um Best seller: "...antes era tudo escuridão, depois fez-se a luz...". Ficou claro? Fundo preto com listas brancas! rs

É! disse...

eu não sei... sei que "animal prints" estão master na moda, então pode vir de zebra ou de onça que nada será relativo nem monocromático... e pode pintar as listras de qualquer outra cor!!

Jorge Lemos disse...

Gente:
Se as cores são resultantes da incidência da luz sobre a matéria, observemos: se a foto fosse tirada em plena noite, nenhuma imagem apareceria. Ora pois pois!Isto não quer dizer que
a matéria lá não estivesse, o gajo! Sendo portanto a luz o elemento responsável pela presença da matéria, deve-se ao expectro da luz a ilusão de que a matéria exista! Convenhamos de facto: o negro é a soma de todas as cores, ou melhor, a união de todas as ondas da luz; e o branco a ausência delas. Isto dito
leiam com atenção o que quiz dizer
nas entrelinhas o Ludovido e a Malú: todo o conceito da verdade que se revela aparente, é totalmente falsa! Ora pois pois, acabo de descobrir que o Renan fede
mais que todas as fedentinas do universo!
Jorge

Jorge Lemos disse...

Ao fazer a pergunta lá em cima sobre a predominância das cores da zebra, busquei estabelecer um paradoxo, um contra-senso, que motivasse a curiosidade entre os bloguistas. A deixa da foto das zebras, caiu como um luva, e pude,
(esfreguei as mãos como o dr. Silvana fazia sempre e deixei escapar aquele sorrizinho maroto no canto dos lábios acompanhado do horripilante, (ou tétrico), sibilar zhzzzhzzhzhzhzhzhzhzhzaaaa do gozo e da satisfação plena. A zebra está solta e descobri que cada bloguista tem um neuroniozinho idêntico ao Vicão e a Malu.
Somos todos de proveta: aproveita: hahahahahahahahahahahahahahahah... Viva a ciência!

Reinaldo Ortega disse...

Relativamente ao ponto de vista do observador, se considerarmos a zebra A (a mais afastada) e a zebra B (a mais proxima), podemos dizer que as listas pretas da zebra B estão sobre as listras brancas da zebra A. Por outro lado, a mesma coisa, mas se for o contrário, também da certo. rrsrs

Jorge Lemos disse...

Ortega
Agora, sinceramente, não importa as Listras e sim o conteudo da sua postagem. A genialidade do encontro deste animais deu-nos a sensação de que necessitamos de muitas zebras para curtirmos um papo assim tão delicioso.
Lú: esta maluquinha da Malu vai nos deixar loucos. Meu neurêonio, o Dr. Silvana está louco para um aproxxxxxxxxxx, isto se o Zicão permitir. Fale com o geniozinho
se ele vai trazer vc aqui de novo?

disse...

Se ele não me levar eu vou só mesmo...
Nao dou conta de ir até aí e nao ver vocês...
Beijos e beijos.
Mas ele leva sim. Além de geniozinho ele é um amor...

Walmir Lima disse...

Ai, que gracinha!!!!!