segunda-feira, 24 de setembro de 2007

É assim...

[Postado por Anne M. Moor]



Dois adolescentes ajuizados
sérios, inquietos.
A alegria do diálogo, sentimento, afecto, partilha
no sorriso e na palavra,
A tolerância e o entendimento...
A carícia sorridente de uma palavra viva...
A vida transbordante de um carinho doado...
A alegria imanada no sentimento oferecido.
O beijo, a mão, o afago, o amor partilhado
quando as vogais e consoantes tocam o coração...
É assim.

© 2005 - Manuel Mendes

15 comentários:

Ti disse...

Anne,

Adolescentes ajuizados, me lembra adultos apaixonados....

Adorei!!

disse...

KARACA!!!
Dá pra ser feliz sem amor?????
Sem chance.

Anne M. Moor disse...

Sem chance Lú!!! Love makes the world go round...
Ti: muito apaixonados...

Udi disse...

"fundamental é mesmo o amor
é impossível ser feliz sozinho"

Que bom tê-la de volta transbordando vida e amor!

Angela disse...

É assim que se deseja!
Que assim seja!

Flavio Ferrari disse...

1. Não dá para ser feliz sem amar-se
2. Amor adolescente é uma gracinha, amor maduro é uma delícia.

Anne M. Moor disse...

Adolescência não tem idade...

Ju disse...

o que nós tráz à conclusão de que o amor é uma gracinha E uma delícia...
Que bom te LER assim tão leve, borboleta!
;-)

É! disse...

ai ai ai... lá vou eu dar uma reclamadinha...
quando é que deixamos de ser adolescentes que vêem beleza no caminho do "busão" com o namorado e passamos a querer mais e mais e mais e mais...
queria voltar a ter 14 anos, quando ficava vendo meu amor pela janela...

É! disse...

quando F O I...

É! disse...

AH! Anne, acho que vc deve perceber que estamos felizes e até surpresos de perceber sua recuperação! É isso aí!
Bjão!

Anne M. Moor disse...

Ju e É... Como disse o Flávio, amar depois de maduro (no meu caso leia-se velha) é uma delícia - sem medos, sem preconceitos, sem frescuras... Aliás, aconteceu algumas cositas neste ano de 2007 em que os dois sofremos pra c..., mas nos demos conta o qto um faz falta pro outro e estamos administrando e flutuando... :-)
Qto a minha recuperação... Com uma pessoa que escreve poemas assim pra mim, posso não me recuperar????

Estrelinha disse...

Anne...que bom ter vc de volta...isso aqui sem vc n tem graça...Beijo!

Ernesto Dias Jr. disse...

É assim mesmo, rsrsrs

Anne M. Moor disse...

Obrigada Estrelinha... :-)

Ernesto: E não é?????? Tu sabes né...